Habilidades
e Competências
Faça sua auto avaliação. Pergunte a si mesmo se você no dia a dia está fazendo o que sabe fazer de melhor.

Faça sua auto avaliação. Pergunte a si mesmo se você no dia a dia está fazendo o que sabe fazer de melhor.
- Por Carlos Martins



Habilidades e Competências

Ao nascer, cada um de nós traz consigo características individuais.

Junto dessas características, trazemos outras que são herdadas de nossos pais, que herdaram de nossos avós e por aí vai... A soma de nossas características, o que herdamos e o que aprendemos com nossas experiências pessoais forma nossa personalidade, que é o conjunto de vocações. Isto é: todas as áreas onde podemos atuar com sucesso*.

Entender nossa personalidade direcionando-a para um projeto estratégico capaz de aproveitar nossas vocações pode ser a chave da transformação da vida pessoal e profissional. Não é uma tarefa rápida nem simples. É necessário preparar o terreno fértil para semear e desenvolver nosso futuro.

Como uma árvore que depende das condições do solo para crescer saudável e dar frutos, dependemos das condições onde crescemos. Desde o início da nossa vida, nos primeiros meses, essas condições começam a atuar em nossa formação. Nossos pais poderiam ser considerados os primeiros jardineiros. Além dos pais, os parentes, os professores, os amigos, as companhias, a mídia, a Internet etc. Todos contribuem como jardineiros dessa nossa árvore interior.

Identifique seus pontos fortes e fracos a fim de incrementar o seu perfil.

Reconhecer as condições em que crescemos a fim de analisar os nutrientes que faltam para fertilizar o solo que alimenta nossa seiva e fortalecer nossas raízes para enfrentar as intempéries, são desafios que todos enfrentamos até o fim da vida.

Para a maioria das pessoas a base do sucesso em uma atividade depende de talento específico, entretanto o talento sozinho não é capaz de realizar nada sem que exista a motivação, a força de vontade. Em muitos casos, pessoas com menos talento conseguem superar outras mais talentosas por causa da determinação em alcançar o objetivo.

Reflita sobre suas habilidades, talento, competência e características pessoais (ver quadro abaixo). Inicialmente você deve promover seus pontos fortes e neutralizar seus pontos fracos. Faça isso no seu currículo, profissão, vida social e nos objetivos de curto prazo. Com mais tempo, dependendo dos seus objetivos, procure quais os seus pontos fracos precisam ser desenvolvidos.

Faça sua auto avaliação. Pergunte a si mesmo se você no dia a dia está fazendo o que sabe fazer de melhor. Você sente prazer no que faz? Seus estudos e prática reforçam o seu trabalho? Se a resposta for sim, você está no rumo certo. Do contrário, chegou o momento de mudar!




Habilidade
São as capacidades técnicas para realizar determinadas tarefas, desenvolvidas a partir de teoria e prática. Por exemplo, dirigir um automóvel ou usar um computador. A maioria das profissões podem ser realizadas graças às habilidades, que soma conhecimento e experiência. Isoladamente não pode ser considerado um dom, pois computadores e robôs também podem ser programados com habilidades para substituir o trabalho humano.

Talento
São as capacidades que nascem com cada um e conduzem a um desempenho satisfatório tanto no aprendizado quanto na execução das habilidades. Por exemplo, o talento para negociar, inventar, comunicar. É diferente ter apenas habilidade do que ter também talento para executar essa habilidade. Uma pessoa com talento para uma determinada profissão é capaz de aprender e executar com muito mais facilidade essa profissão. O talento pode ser associado à vocação*.

Competência
É a soma de talento com habilidade. Essa associação conduz a resultados superiores aos obtidos por pessoas que possuem apenas o talento ou habilidade separadamente. Por exemplo, um corredor de Fórmula 1 é uma pessoa que soma a habilidade de dirigir automóveis com o talento natural para disputar competições. Implica em dizer que quanto mais habilidade e talento juntos, maior é a chance de sucesso.

Características Pessoais
Depende do conjunto de valores, crenças, paradigmas, características físicas, psicogenéticas e da influência do meio externo. Pode ser transformada ao incluir novas experiências, dependendo do julgamento da forma de vida de cada um.


Clique AQUI e faça seu teste vocacional.



Obs. Leitura relacionada:
Livro O Homem e Seus Símbolos - Autor: CARL GUSTAV JUNG


Links:
Associação Junguiana do Brasil: http://www.ajb.org.br/
Biblioteca virtual de Psicologia: http://www.bvs-psi.org.br/



Leia outros artigos de Carlos Martins


 
Aqui você fala com quem faz.